O LIVRO DA JESSICA ATHAYDE

Não Queiras ser Perfeita

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sempre simpatizei com a Jessica.
Não como actriz, vou ser sincera, porque nunca fui de ver telenovelas portuguesas. Mas como figura pública. Sigo-a no instagram há bastante tempo e de vez em quando também dou uma espreitadela no blog, Jessy James, onde ela partilha a sua vida diária.
É uma pessoa orgânica, sem pretensões, que demonstra viver a vida de uma forma leve e bem encarada. 

Há muita gente na internet a publicitar diariamente o seu estilo de vida e ”como se deve viver” ou ”como se deve comer”, sendo que eu não concordo com mais de metade dos métodos escolhidos por essas pessoas. A Jessica é uma pessoa com uma personalidade (do pouco que conheço, obviamente) e uma maneira de estar muito parecidas com as minhas. Assim como também passou por alguns episódios semelhantes aos meus.

Por estes motivos, o livro dela esteve na minha lista de compras desde o momento que ela anunciou o seu lançamento.
Hoje finalmente o consegui comprar, já li metade e é exactamente o que eu estava à espera – uma miúda que passou por uma fase perturbada e que tenta, todos os dias, superar o mal que fez ao organismo através de uma vida equilibrada. ”Somos o que comemos” é um dos lemas da Jessica, que ela usa para explicar que aquilo que comemos ESTÁ directamente relacionado com a forma como nos sentimos. O nosso estado psicológico, a nossa energia ao longo do dia, a propensão para as doenças, tudo está integralmente dependente do nosso estilo de vida.

Além disto, o livro ainda tem receitas de alguns pratos preferidos e sumos verdes/detox da autora. Mexermo-nos, comermos bem, estarmos com quem gostamos e praticarmos a saúde e equilíbrio mentais são a chave para tudo. E assim a Jessica o confirma.

E quando se sente a felicidade verdadeira que desse equilíbrio advém, tudo vale a pena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *